Surto de vírus infecta bebês na UTI da Unicamp



A descoberta de um surto de um vírus respiratório na UTI neonatal do Hospitalda Mulher da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) obrigou a direção do centro médico a adotar medidas para diminuir os riscos para os pacientes.

Entre os infectados, dois estão em estado grave e um morreu. Eles foram vítima do Vírus Sincicial Respiratório (VSR).

A diretora do hospital afirmou na tarde de quinta-feira que a única morte constatada na UTI neonatal após a detecção do virus não está relacionada diretamente com ele.

“A criança que morreu nasceu em março, com alteração cromossômica, tinha cardiopatia, alteração neurológica, má formação da parede abdominal. Se sobrevivesse, iria para casa sob oxigenoterapia e com sequela neurológica e mental para o resto da vida”, disse Angela.

O hospital deixou de receber parturientes na quinta-feira e encaminha as mães que vão dar à luz para outros estabelecimentos na região. Mas, além dos 25 bebês na UTI – 14 infectados e 11 livres da infecção -, há outros 24 no alojamento infantil.

Fonte : G1

Teka

Redatora e ilustradora de conteúdo para sites na internet. Curiosa, pesquisadora e investigativa. Tinha o sonho de se tornar astronauta. Acredita que um dia encontrará a "arca da aliança" e trocará informações com civilizações avançadas de outros planetas. Casada há 20 anos, mãe de 3 filhos, compartilhando experiências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *