7 dicas naturais para aliviar as cólicas do bebê

cólica bebê



Os bebês sentem cólicas devido à imaturidade dos processos relacionados ao sistema digestivo que começa a se desenvolver. Ocorre que os movimentos necessários para realização da digestão ainda são descoordenados, e promovem contrações dolorosas. Para piorar ainda mais estes sintomas o bebê ainda pode acabar ingerindo ar durante a amamentação, o que acumula gazes que resultam em dor e desconforto.

Para tratar o problema você deve pedir que o médico pediatra receite um medicamento, antes de você e o bebê receberem alta do hospital. Mas algumas medidas simples também podem ser adotadas como forma de aliviar estas cólicas terríveis. Acompanhe a nossa seleção.

7 dicas naturais para aliviar as cólicas do bebê

1. Alimente-se bem se estiver amamentando

O leite da mãe recebe os nutrientes dos alimentos que são consumidos por ela mesma durante o período de amamentação, além de gordura e elementos que podem causar desconforto, tais como:

  • Leite e derivados: O leite pode provocar diarreia, reações alérgicas, gazes e desconforto.
  • Carne vermelha: A carne vermelha é digerida lentamente, o que pode causar gazes no bebê.
  • Chocolate: O chocolate acelera os movimentos intestinais. Ele libera cafeína e estimula a liberação de serotonina.
  • Repolho,couve-flor e cebola: Estes três ingredientes, além de alterarem o sabor do leite, também são capazes de favorecer os gazes.
  • Leguminosos: O feijão, a lentilha e a fava, apesar de muito nutritivos, são potenciais causadores de gazes e consequentes cólicas nos bebês. Para não perder seus benefícios, experimente ingerir somente o seu caldo sem os grão.

Outros alimentos como pimenta e condimentos também devem ser evitados durante o período de amamentação.

2. Relaxe o bebê em banhos mornos

Os banhos são fonte de relaxamento para o bebê. Eles relaxam as contrações do intestino também! O ideal é que o banho seja morno, mas mais pra quente. Os bebês que são muito irritados devem tomar mais de um banho por dia, para dormirem melhor.

3. Faça massagem para facilitar a expulsão dos gases

Durante o banho a mãe deve praticar massagem na barriga do bebê para facilitar a expulsão dos gazes que provocam cólica. Com a mão ensaboada alise a barriga do bebê em sentido horário e depois de cima para baixo. Perca pelo menos 3 minutos nesta operação para que realmente se obtenha algum efeito.

4. Exercite as perninhas do bebê

O bebê precisa se livrar dos gazes, e você pode ajuda-lo flexionando suas perninhas contra o corpo. Este exercício faz com que o bebê elimine os gazes, e também pode ajudar quando ele estiver com dificuldades de evacuar.

5. Segure o bebê de bruços

Você pode apoiar a barriga do bebê ao longo do seu braço, o segurando de bruços. Os bebês gostam muito de ficar nesta posição, pois facilita a liberação dos gazes e aquece a região da barriga.

6. Faça o bebê arrotar sempre após as mamadas

O bebê que não arrota pode golfar dormindo e engasgar com o próprio leite, mas também pode acumular gazes e piorar a sensação de cólicas. É importante colocar o bebê para arrotar sempre após as mamadas.

7. Mantenha o bebê aquecido

O bebê na barriga da mãe se mantinha aquecido e confortável, depois de nascido pode sentir frio, ficar tenso e contrair os músculos. O tubo digestivo sofre com estas contrações. Ao aquecer o bebê, você promove o seu relaxamento, ele dormirá mais tranquilo.

Posso oferecer chá para aliviar a cólica do bebê?

Os pediatras passaram a propagar sobre a amamentação exclusiva, o que fez muitas mães considerarem os chazinhos como veneno. Mas não são! Afinal, os chás foram amplamente utilizados por nossos avós, bisavós e tataravós, sem problema algum. Eu mesma, a exemplo de minha avó querida, aliviei os gazes intestinais de meus três bebês com chá de erva cidreira ou erva doce, sem dano algum à saúde deles, muito pelo contrário! As crianças se livravam dos gazes e dormiam muito melhor. Mas então o que mudou?

Atualmente a recomendação dos pediatras nos alerta para a NÃO NECESSIDADE de oferecer água ou chá para o bebê que é amamentado exclusivamente pela mãe até os seus 6 primeiros meses, porém, esta recomendação não impede o seu uso por risco de morte da criança ou, grave perigo de saúde! A interpretação das pessoas sobre este alerta é demasiadamente exagerada em  relação ao seu risco.

Os médicos nos dizem que os chás podem, em alguns casos, provocar ainda mais cólicas devido à imaturidade do aparelho digestivo, ou, não ter efeito algum, e só. Para solucionar o problema eles recomendam que usemos “Dimeticona”. Dimeticona é um medicamento farmacêutico anti gazes que deve ser recomendado somente pelo médico mediante risco de alergias graves e sintomas adversos como, manchas na pele, coceira, erupções sobre a pele, e inchaço da boca e língua que impedem a respiração.

Você saberá que o bebê está sentindo cólica, quando perceber que ele se encolhe, trazendo os joelhos dobrados para cima e contraindo o abdome. Ele também não consegue dormir.

Teka

Redatora e ilustradora de conteúdo para sites na internet. Curiosa, pesquisadora e investigativa. Tinha o sonho de se tornar astronauta. Acredita que um dia encontrará a "arca da aliança" e trocará informações com civilizações avançadas de outros planetas. Casada há 20 anos, mãe de 3 filhos, compartilhando experiências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *