7 coisas a fazer agora para uma gravidez saudável no futuro

gravidez



As mulheres que estão pretendendo engravidar devem tomar alguns cuidados antecipados para evitar uma gravidez complicada ou aborto. O aborto é muito comum entre as mulheres em início de gravidez. Geralmente ocorre sem qualquer conhecimento de causa, as vezes está relacionado à problemas no útero, e outras vezes à causas genéticas, mas em alguns casos, o corpo da mulher é que pode estar pouco preparado para levar uma gravidez adiante. Então, se você está pensando em engravidar em breve e prefere uma gravidez tranquila e saudável, acompanhe as nossas dicas.

7 coisas a fazer agora para uma gravidez saudável no futuro

1. Tome ácido fólico para prevenir o aborto e o parto prematuro

O ácido fólico deve ser administrado uma vez ao dia se for tomado como medicamento. Trata-se de uma vitamina encontrada em vegetais como brócolis e espinafre, em grãos de feijão preto e lentilha, ou, fígado de galinha e boi cozidos. Faz bem para prevenir o aborto e o parto prematuro, mas também participa na formação do tubo neural do bebê, evitando a espinha bífida e síndromes como o autismo.

É comum os médicos indicarem o ácido fólico pelo menos 3 meses antes da mulher engravidar.

2. Alimente-se bem para não sofrer com anemia durante a gestação

A anemia é outro sintoma comum em mulheres grávidas. Acontece que algumas mulheres passam muito mal durante os meses de gestação, e perdem muitos nutrientes durante este período. Para que se recuperem, precisam manter as doses de ácido fólico em dia, se alimentarem de carne, folhas verdes, frutas ricas em vitamina C,  que ajudam o organismo na absorção do ferro, e, nozes ou castanhas.

Os alimentos que não favorecem a absorção do ferro e pioram o estado da anemia são o leite e seus derivados, refrigerantes, chás verdes e mate. Não é necessário retirar o leite da sua dieta, mas evite consumi-lo logo após as refeições. Chocolate ao leite também conta como inibidor da absorção de ferro, portanto nada de chocolate  como sobremesa.

3. Evite os produtos de beleza como batons e máscara para os olhos

Os cosméticos que estamos acostumadas a usar todos os dias, podem conter doses de chumbo e mercúrio que são facilmente absorvidos pela pele. Estes elementos passam para a nossa corrente sanguínea e chegam até o bebê com certa facilidade. Os batons e as máscaras para os olhos estão entre os  produtos mais batizados com estes elementos.

4. Escolha alimentos de procedência segura

Os alimentos que consumimos normalmente estão repletos de pesticidas que podem prejudicar a saúde mental de nossos  bebês. É importante conhecermos a sua procedência. Então, se você puder optar pelos orgânicos, ou uma horta no jardim, ficará mais tranquila sabendo que não está sendo envenenada, ou envenenando seu bebê.

5. Emagreça para evitar a pré-eclâmpsia

Mulheres obesas que estão em atividade sexual constante esperando por engravidar, devem pisar no freio e emagrecer primeiro. Acontece que há muitos riscos envolvendo a gravidez de mulheres obesas, inclusive no parto. A pré eclâmpsia é o pior deles, e atinge à mulheres com pressão alta. Outros problemas relacionados à obesidade atingem a saúde do bebê, eles podem sofrer de asma, problemas do coração, alergias e diabetes.

6. Evite o estresse se não quiser sofrer com a infertilidade

O estresse mexe com os hormônios femininos e torna mais difícil as chances de uma gravidez. Durante a gestação aumenta os níveis de açúcar no sangue, e aumenta as chances de depressão. Procure levar uma vida mais tranquila e evite preocupações.

7. Cuide da sua flora intestinal

A flora intestinal saudável é garantia de saúde para a mãe e para o bebê. Para tanto evite os antibióticos ao máximo, alimente-se de probióticos, folhas verdes e iogurte fermentado.

Aproveite todas as dicas e invista em seu sonho de ser mãe começando a cuidar da sua saúde a partir de agora.

 

 

Teka

Redatora e ilustradora de conteúdo para sites na internet. Curiosa, pesquisadora e investigativa. Tinha o sonho de se tornar astronauta. Acredita que um dia encontrará a "arca da aliança" e trocará informações com civilizações avançadas de outros planetas. Casada há 20 anos, mãe de 3 filhos, compartilhando experiências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *