Como conciliar carreira e maternidade em 5 passos

maternidade



A vida para quem tem uma carreira não é nada fácil, quando o sucesso profissional passa a ser uma prioridade, é a vida pessoal que sai comprometida. Sentimos que uma está sempre em detrimento da outra, o que pode ser um fato. Mas ser mãe e ter uma carreira ou um negócio próprio pode ser ainda mais complicado, pois deixar o filho em casa para trabalhar nos enche de culpa.

Selecionamos então, algumas sugestões que podem fazer de você uma mulher bem sucedida nas duas funções.

Como conciliar carreira e maternidade em 5 passos

 

No Brasil, mais de 50% das mulheres trabalhadoras são mães e 68% delas consideram difícil conciliar a carreira a maternidade e o casamento. Segundo o IBGE, muitas delas estão preferindo deixar o trabalho para se dedicar aos filhos.

1. Cerque-se de pessoas confiáveis

Quando temos um filho sentimos que devemos dar o melhor de nós para que ele seja bem cuidado e se sinta feliz, e cuidamos pessoalmente disso assim que ele nasce. Mas com a chegada do fim da licença maternidade, o sentimento de culpa é o que impera. Para amenizar este sofrimento o ideal é cercar-se de pessoas nas quais você confia plenamente para aconselharem e sugerirem uma boa creche ou babá.

Ao se decidir por quem cuidará do seu bebê, faça uma experiência, permita que a criança visite a creche ou fique com a babá durante algumas horas do dia para que ela vá se acostumando aos poucos, até o dia em que ficará sob os cuidados de outros integralmente. Este exercício também faz bem para que as mães possam se sentir mais tranquilas e confiantes em deixar seus filhos.

2. Tente ser flexível

As crianças sempre surgem com problemas inesperados como dor de ouvido, febre, diarreia ou qualquer outro que nos obrigue sair do trabalho para estar com elas, afinal, de que outra  forma estaríamos completamente tranquilas? Para evitar transtornos tenha sempre um plano B. Contacte alguém no trabalho para lhe dar cobertura, cancelar reuniões, cancelar visitas à clientes, e lhe manter informada. Mas ainda, se puder, leve o trabalho para casa, é melhor não dar espaço para lhe julgarem mal.

Para piorar, outro fato inesperado muito comum de acontecer, é saber de última hora que a sua babá irá faltar. Para estes casos tenha alguém da família com a qual possa contar, e torça para que ela realmente esteja disposta.

3. Use a tecnologia a seu favor

A tecnologia é amiga das mães que trabalham, ela auxiliam-nas a trabalhar com maior flexibilidade. Através dos mais diversos dispositivos você pode observar seu filho em casa enquanto estiver trabalhando, pode participar de reuniões online estando em lugares remotos, e ainda assistir palestras e cursos sem precisar sair de casa. Também pode participar de apresentações da empresa e fazer comentários sobre projetos em andamento através de hangouts.

4. Tenha um home office

Se você sentir que precisa passar mais tempo em casa, e a  empresa  na qual trabalha, favorecer  a acessibilidade necessária para que você realize suas funções a partir de um home office, considere esta possibilidade. Empresas modernas e inovadoras estão aceitando o fato de terem de reconhecer que as mulheres realizam melhor suas funções quando têm a possibilidade de conciliar suas tarefas. Elas ficam menos ansiosas, menos estressadas, desconcentradas e deprimidas.

5. Tenha uma agenda

Por estarmos lidando com filhos e carreira, cada minuto é precioso, por isso tenha uma agenda. Anote nesta agenda suas prioridades do dia. Comece com as questões mais importantes e deixe as menos significativas para o final, assim, se não conseguir cumprir todas  elas, não se sentirá tão mal por isso. A hora ideal para preparar a agenda é antes de  dormir, ou, conforme for se lembrando durante o dia,  então, ande com a sua agenda sempre à mão.

Espero que este artigo tenha lhe ajudado.

Teka

Redatora e ilustradora de conteúdo para sites na internet. Curiosa, pesquisadora e investigativa. Tinha o sonho de se tornar astronauta. Acredita que um dia encontrará a "arca da aliança" e trocará informações com civilizações avançadas de outros planetas. Casada há 20 anos, mãe de 3 filhos, compartilhando experiências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *