Pais que lavam a louça criam filhas mais bem sucedidas

pais



Um estudo realizado pela Universidade de British Columbia, comprovou que, pais que ajudam nos serviços domésticos, criam filhas mais bem sucedidas na carreira. Os filhos também são inspirados por esta atitude dos pais a igualar os gêneros, mas as meninas são as mais influenciadas.

A pesquisa reuniu 326 crianças entre 7 e 13 anos de idade, e o resultado completo será publicado na revista americana  Psychological Science, especializada na ciência da psicologia mas, nós já temos dados preliminares, acompanhe o artigo.

Como pais que lavam louça criam filhas mais bem sucedidas

pais

Os pais que ajudam em casa minimizam as diferenças entre os gêneros masculino e feminino, contribuindo para o pensamento de que, qualquer profissão para elas possa ser  possível, assim como é naturalmente possível para os meninos.

Já os pais de famílias tradicionais, que não ajudam em casa, estão enviando a mensagem inconsciente de que,  suas filhas, como mulheres, é que devem cuidar dos afazeres domésticos e se dedicar à família, limitando seus anseios de um dia serem capazes de se tornarem grandes executivas, engenheiras ou até líderes de um país. Este fato é mais suscetível por conta da realidade que estas meninas vivem em casa.

Dados ainda em fase de conclusão, apontam para o fato de que estas filhas, de pais tradicionalistas, optam, em sua maioria, por carreiras ligadas a educação, enfermagem, ou alguma outra relacionada  à área de cuidados.

Como os meninos interpretam a atitude dos pais não colaborarem em casa

Já para os meninos, os pais enviam a mensagem, não verbal, de que as mulheres devem cuidá-los e cuidar da casa, estando eles, por serem homens como os pais, livres das obrigações domésticas que minimizam as diferenças de gênero. É claro que há outros fatores de maior ou menor valor que potencializam este tipo de consciência no menino, esta é apenas uma observação geral sobre como as atitudes dos pais influenciam, de uma maneira ou de outra, sobre a educação dos filhos.

O que os pais devem fazer para incentivar suas filhas a se tornarem mais bem sucedidas

Para os pais interessados em incentivar suas filhas a se tornarem mais bem sucedidas, a dica é assumir a responsabilidade por parte dos afazeres domésticos. Não prometa nada com a certeza de que não vá cumprir, ou pense que por fazer pouco já está transmitindo aquilo que é esperado para valer como incentivo.

A linguagem não verbal é mais poderosa que qualquer outra, e quase nunca deixa dúvidas, principalmente para as crianças que ainda estão aprendendo a se comunicar com a fala. Então, aquela frase batida que diz: ” Uma atitude vale mais que mil palavras”- cabe bem neste caso, e com direito à comprovação científica.

Teka

Redatora e ilustradora de conteúdo para sites na internet. Curiosa, pesquisadora e investigativa. Tinha o sonho de se tornar astronauta. Acredita que um dia encontrará a "arca da aliança" e trocará informações com civilizações avançadas de outros planetas. Casada há 20 anos, mãe de 3 filhos, compartilhando experiências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *