Por que é tão difícil adotar uma criança?



Muitos casais e  uma longa fila de espera para que se possa adotar uma criança… Se você está pensando em adotar uma criança por via legal, conhecerá de perto este drama. A burocracia começa com uma avaliação psicológica, avaliação da situação financeira do casal, e diversas entrevistas com assistentes sociais, além de muita espera. A verdade é que, o sistema judiciário brasileiro está envolto a conservadorismo e rigor excessivo. As autoridades colocam muitos obstáculos, como se todos os casais que desejassem adotar uma criança, fossem malucos. Além do desequilíbrio psíquico, as autoridades temem a devolução dos bebês.

Caso os pais adotivos não queiram mais a criança, existe a possibilidade legal de que a criança seja devolvida seguindo alguns trâmites legais.Existe então, uma preocupação por parte dos responsáveis pela adoção, de que a criança não sofra o abandono pela segunda vez. Isso lhe parece absurdo? Devolver uma criança como se fosse uma mercadoria? Pois não é não.É fato que alguns casais que se consideravam estéreis, após conseguirem a concepção do próprio filho, devolveram o filho adotivo.

 

Ainda em entrevista a uma revista feminina, a psicóloga Maria Antonia, afirma haver um caso em que a criança devolvida já morava com os pais adotivos a seis anos! Outro fator preocupante para os responsáveis em entregar uma criança para a adoção, é a violência extrema. Com o mundo violento em que vivemos hoje, o receio de possíveis sequestros, e a retirada de órgãos para venda, no exterior, ainda é um fator que preocupa as autoridades responsáveis. Porém, fato é que nada sobre o assunto foi comprovado até hoje!

Situação dos juízes no país

Quando algum advogado ou juiz tenta facilitar o processo para a adoção, é logo acusado de tráfico de crianças, pelos conservadores que desejam que tudo continue como está. Advogado Lins e Silva, em entrevista a revista Nova, de 1995.

Em contra afirmação, o juiz Antônio Augusto Guimarães de Souza, da Vara da Infância e Juventude, afirma que a situação não seja bem esta. Já que todo o processo burocrático serve como proteção a vida da criança, assim como a adoção serve para auxiliar a criança abandonada e não solucionar o problema de casais estéreis.(Em afirmação a mesma revista).

Onde encontrar crianças disponíveis para adoção?

Se mesmo com toda esta burocracia você deseja adotar uma criança, entre no site www.quintaldeana.org/, lá há uma lista com uma série de crianças disponíveis para adoção. O site foi criado e desenvolvido para auxiliar as pessoas a localizar crianças que necessitam de uma família, e para agilizar este  processo.

Teka

Redatora e ilustradora de conteúdo para sites na internet. Curiosa, pesquisadora e investigativa. Tinha o sonho de se tornar astronauta. Acredita que um dia encontrará a "arca da aliança" e trocará informações com civilizações avançadas de outros planetas. Casada há 20 anos, mãe de 3 filhos, compartilhando experiências.

One thought on “Por que é tão difícil adotar uma criança?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *